17 dezembro 2008

Chrono Trigger - Wind Scene

Como já foi comentado aqui no Violão de 8 bits, a banda 8 Bit Instrumental, da qual sou guitarrista, lançou um novo álbum.

Uma característica bem forte dessa vez foi o uso do violão nos arranjos. Resolvemos então fazer um vídeo, ainda que casual, especialmente aqui para o blog. Escolhemos a faixa Wind Scene do jogo Chrono Trigger, que apresenta uma trilha fenomenal, na qual trabalham os compositores Yasunori Mitsuda, Nobuo Uematsu e Noriko Matsueda.

O vídeo foi gravado em dois takes. O violão usado foi um Rogério Santos (ambos usamos o mesmo violão). A captação do áudio foi feita por dois microfones, um posicionado à frente da boca do instrumento e outro posicionado próximo à mão do instrumento pra que pudesse captar a ambiência. Fica registrada a dica: tente não contar com o áudio da câmera. Gravando com microfones à parte fica mais fácil melhorar posteriormente o som.



Não chegamos a transcrever o arranjo pra esse tema, mas a partitura que acompanhamos é a de um famoso songbook oficial de Chrono Trigger pra piano. Dá pra acompanhar com o primeiro violão seguindo a clave de sol do piano e o segundo seguindo a clave de fá. Para baixar as partituras, clique: página 1 e página 2.

7 comentários:

Juunin 18 de dezembro de 2008 07:30  

Ficou fabuloso. Mas o que é esse lance de "ambiência"?

André Luiz Oliveira 18 de dezembro de 2008 12:49  

Quando tocamos, o som que nos chega ao ovido não é apenas aquele que está saindo direto do instrumento, mas também o que está divagando pelo ambiente onde estamos. Se posicionar apenas um microfone na boca do violão, o timbre será um. Se afastar 30cm, será outro. Se colocar Diversos microfones dentro da sala em lugares diferentes, captará timbres diferentes. Gravar a ambiência é bom para não deixar o som tão seco. Aí no vídeo, estamos no estúdio do Cheba. Devido a sala não ser tão grande, ele precisou colocar espumas para o som não reverberar tanto e não ficar embolado, porém, deixou algumas partes apenas com madeira para que o som também não ficasse tão morto. Tudo isso influencia na qualidade final do som. Antigamente as pessoas tinham mania de "socar" reverb de qualquer jeito em tudo... Não é bem por aí... Melhor é conseguir captar o som da forma mais natural possível pra só depois adicionar efeitos que forem mesmo necessários.

André Luiz Oliveira 18 de dezembro de 2008 12:51  

Ahh... Pra dar uma definição mais curta. Ambiência é todo o som que está naturalmente no ambiente onde está tocando. O microfone que capta a ambiência pega, então, minha respiração, o som de algum movimento, as ondas sonoras que estão se propagando, ricocheteando e retornando ao instrumentos, se misturando às que estão sendo produzidas... Enfim, tornando o som mais natural e humano.

bubbles 28 de dezembro de 2008 13:24  

Rapaz do céu o_õ

Sempre me pareceu que era só ligar o bagulho lá e gravar.

Anônimo,  30 de janeiro de 2009 11:04  

cara...
que maravilha....
muito bom
parabéns.

Rodolfo José 18 de fevereiro de 2009 11:36  

Caramba, que lindo... Trilhas de videogame são coisas espetaculares! O trabalho de vcs é muito bom! Fiquei conhecendo desde que o guitarrista participou do Now Loading. O vídeos ficou ótimo e quanto às partituras, gostaria de saber onde posso conseguir o pdf do livro inteiro. Sou pianista e fã incondicional de Chrono Trigger! Valeu por tudo!

Heber Fiori 5 de abril de 2012 16:53  

Boa tarde a todos

Será que os senhores poderiam fazer os arranjos, dessa musica e postar pra download no site?

se puder, fico agradecido

Obrigado

Heber Fiori